Via Didática
2º II A0 - E2 D1 - 210
Parque Estadual da Serra da Tiririca - Niterói
Setor Aderência da Serrinha - Morro do Telégrafo - Face Norte

2017 - André Costa, Beatriz Marques, Claudney Neves, Eny Hertz, Karla Paiva, Mariana Abunahman

Descrição:

A via foi conquistada para servir como local para ministrar aula de paradas, por isso os grampos duplos na base, e como opção para alunos e guias iniciantes se aprimorarem.

Com predominância de “agarrência”, é bastante fácil e bem protegida.

Os primeiros 70m levam à uma pequena parede, vencida em artificial fixo, onde são necessários dois nuts, ou cordeletes, para enforcar os parafusos, esta é a parte mais trabalhosa de toda a via.

A via possui vários tipos de proteções, parafusos citados acima, chapeletas simples, duplas e pingo, além de grampos, também com o objetivo didático de apresentar as mesmas para os iniciantes.

Após a virada, chegando na parada dupla à 20m dali, segue tranquila por mais duas enfiadas cheias de 60m cada, encontrando os grampos finais da via Bruno Silva e finalizando no Mirante do Carmo.

O melhor horário para escalar é pela manhã, bem cedo, pois fica na face norte.

Como chegar:

saindo do Rio, pegue a ponte Rio-Niterói e siga as placas que indicam Região Oceânica, até chegar no trevo que marca a subida para Itaipuaçu. A partir do pedágio são cerca de 50 min até o destino.

Para quem optar por ir de ônibus, saindo da estação das Barcas, em Niterói, deve pegar o 38 – Itaipu. Partindo do Rio de Janeiro, o 770D – Itaipu, que sai do Terminal Menezes Côrtes, que fica à duas quadras do Paço Imperial, no Centro da cidade.

Você deve descer próximo ao trevo que sobe para Itaipuaçu, a partir daí basta seguir a Estrada Gilberto de Carvalho.

A entrada da trilha, de coordenadas 22º 57′ 47.44” S 43º 1’25.66” O, fica em frente ao número 329 da Estrada Gilberto de Carvalho (RJ 102), do lado direito de quem sobe a partir de Itaipu, distante cerca de 250 metros do Mirante de Itaipuaçu. Esta estrada é conhecida como Estrada da Serrinha.
Há duas “vagas” há poucos metros da entrada da trilha, onde é possível estacionar os carros.

Um resto de cerca de arame farpado marca a entrada, vá subindo, passando ao largo do bambuzal, vire para a direita e siga em direção ao costão rochoso, há muitos pequenos matacões perto do costão. Da Estrada da Serrinha até a base são cerca de 120m. A trilha não está marcada.

base, de coordenadas 22º 57’51.77 S 43º 1’25.84 O, fica exatamente no final da trilha, entre um diedro coberto de vegetação à esquerda e uma “língua” de mato à direita, ao lado de uma grande árvore.

Clique no croqui para baixar o pdf Croqui Via Didática - 2º II A0 - E2 D1 - 210 m

Traçado Via Didática - 2º II A0 - E2 D1 - 210 m

Histórico de verificações:

Fontes de consulta:

– Os conquistadores

Categorias:

Deixe uma resposta